Para os lojistas, as festas de final de ano são um período de aumento significativo nas vendas, mas podem significar também uma grande dor de cabeça. De acordo com a ABRAS (Associação Brasileira de Supermercados), no ano de 2017 as perdas somaram R$ 6,4 bilhões do faturamento bruto do setor. Para mudar essa realidade, é necessário que uma série de medidas sejam tomadas para garantir que sua loja esteja preparada para lucrar o máximo possível com o mínimo de perdas.

 

Quando e como se preparar?

Uma pesquisa da Datafolha de 2017, revela que a jornada das compras relacionadas ao natal e ano novo se inicia no final de outubro e começa a se concretizar no início do mês de dezembro. Os consumidores passam a olhar de forma minuciosa para as vitrines, atentos não só aos produtos, mas também aos preços. Logo, é importante que sua loja esteja preparada para o período com alguma antecedência, visando atender os olhos curiosos do público.

Outro cuidado de grande importância é com o estoque. Apesar de nem sempre ser possível prever quais produtos venderão mais, o lojista deve possuir total controle sobre as entradas e saídas para eventualmente não perder vendas. Um grande aliado nesse momento é o sistema integrado da Checkpoint Systems, a CheckStore, que faz o monitoramento, mensuração dos visitantes, eventos de alarme e entrega relatórios completos para facilitar o gerenciamento do negócio.  

 

Quais cuidados devo tomar?

Além da disposição dos produtos de forma atrativa e de fácil acesso, é importante assegurar que esses itens estão protegidos dentro do estabelecimento e não serão furtados em meio ao contato direto com o público ou por colaboradores temporários desonestos. A forma mais efetiva de evitar essa situação é utilizando as Antenas Antifurto Checkpoint. Além de possuir uma variedade de modelos e se adequar a todo tipo de negócio, a solução garante ao lojista total segurança sobre os produtos que saem da loja sem registro de pagamento.

 

Como ser mais atrativo?

O aumento considerável de procura por itens de alto valor nesse período é uma oportunidade e tanto. Uma pesquisa realizada pela SPCBrasil, revela que 57% dos brasileiros das classes B e C estão suscetíveis a gastar mais do que o planejado desde que se sintam atraídos por um determinado produto, daí a importância da disposição dos mesmos, e principalmente do seu visual. Imagine uma garrafa de vinho importado, envolvido por uma caixa de segurança feita de acrílico que impede que o consumidor “pegue” no produto e até veja com mais nitidez seu rótulo. Essa é a receita perfeita para uma venda de valor mais elevado não se concretizar. A solução mais assertiva são as etiquetas de segurança da Checkpoint. Os produtos ficam totalmente seguros, sem grandes interferências visuais, e tornam-se muito mais atrativos para os consumidores.

Leave a Comment

Abrir Chat
Precisa de ajuda?
Olá!
Como poderiamos te ajudar?